quarta-feira, 24 de novembro de 2010

q direi eu?

se me domino com punhos d açõ!
eu me governo, com mãos d ferro.

julgo eu!
o preço q pagaria pra viver tudo q desejo,quero e espero, é alto d++++!

é por isso q minh-alma sempre desejou o conhecimento!
pq com o conhecimento, vem o tal dicernimento!
com o dicernimento.
vem a tal sabedoria!
com a sabedora, vem tal paciensia!
com a paciencia, vem a tal esperança!
e a tal esperança, não traz confusõa!

+ o triste é saber!
embrutacido é o homem, em todo o seu conhecimento.
sendo assim é trizte saber!
o muito ler, enfadonho é!
e junto com o conhecimento,
vem a aflição d espirito!

veidade d vaidade,
diz o pregador.
tudo é vaidade!

+ no âmago d minh-alma!
desejo provar, dos tais tapas, bjos no rosto.
intenso, desejo sentir tudo!
+ d fato, eu tbm quero ++++++++++!!!
+ confeço-te!
q na vida exito muito.
tenho medo d vivendo me acabar.
pois sempre paro ante ao sinal vermelho.
tenho medo, eu d mim!!!
rsrsrsr
tbm quero o melhor da vida!
por isso, deicho o melhor!
q sempre estár por vim.
quero me descobrir!
nem q pra isso, eu tenha q passar sofrendo!
provando dos amargos da vida.
pois não tenho vergonha d admitir!
seu fraco, fragil, louco, tosco, cabuloso d++ dá conta prá mode ser compreendido.
mui menos entandido!

perdoe-me pelo palavrorio desregrado!