domingo, 24 de outubro de 2010

Patrícia


Me de 1 olhar honesto,
Pois ele é proteína pra minha carne.
Dê-me 1 sorriso sincero,
Pois ele é tutano, pra meus ossos.

Me dê sua mão, para que
Eu possa me levantar!

Dê-me 1 abraço, para que
Eu possa me sentir seguro,
E sorrindo passar os labirintos
Que é há na vida.

Me dê 1 beijo, para que
Eu possa me sentir útil.
E com ele, me tire da fossa.


Dê-me seu colo, pra eu
Chorar minhas magoas,
Tristezas e decepções.

Preciso tanto de ti,
Quanto um bebê,
Necessita dos seios maternos
Para sobreviver.

este é o verdadeiro centido da palavra, amizade!
bjos Patrícia!