quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Princesa


Quisera eu ter sua raça
Pra vencer, ter sua alegria
De viver, ter coragem pra
Cai me levantar e prosseguir...

Quisera eu ter vontade de sorrir,
Ter coragem de chorar,
Ter um motivo pra sonhar...

Quisera eu olhar-te
Uma vez mais em teus olhos,
E enxergar por apenas um
Segundo a leveza do seu sorriso...

Tu és como o sol do inverno,
A chuva do verão,
Uma nascente no deserto,
É a luz na penumbra do meu coração!!!!!
BJOS!!!!

2 comentários:

  1. Quisera?!? E quem foi que falou que você não pode. Por um acaso não és tu filho do Rei dos reis? Tendo em vista que a palavra de Deus é bem clara, tudo posso naquele que me fortalece... Tudo isso que digo foi só para enfatizar as pessoas que não conhecem esse Deus do qual eu falei...
    Entendi seu argumento e feliz a mulher a quem tú citas e que lhe serviu de inspiração para este poema, que por sinal achei lindo!!!
    Parabéns pela sencibilidade que poucos homens tem.
    Um abração

    ResponderExcluir
  2. afff, uai!!
    q direi eu!
    se a vossa senhorita, sempre me deixa assim!
    pásmo, boquiaberto, literalmente 100 palavras.

    ResponderExcluir